sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Kindle DX ou 6”?

Aumentar Letra Diminuir Letra

Uma vez decidido pela compra do e-reader da Amazon, a dúvida seguinte surge: Qual Kindle devo comprar?

Como auxílio a esta dúvida, farei uma comparação entre os modelos DX e de 6" de Kindles da 2ª geração.

Inicialmente, vamos à descrição técnica e, em seguida, compararemos os modelos em relação à portabilidade (peso, proporções, ergonomia) e versatilidade (qual o melhor para pdf científico, para HQ´s, para livros, para jornais, para revistas?).


1) Dados técnicos (referentes a 3ª Geração)

Kindle 6" 3G

Kindle DX

Tamanho da tela

6" diagonais

9,7" diagonais

Tamanho (em mm)

190 x 123 x 8,5

264,1 x 182,8 x 9,65

Peso

247g

540g

Memória interna

4 Gigas

4 Gigas

Autonomia de bateria (wireless off)

1 mês

2-3 semanas

Autonomia de bateria (wireless on)

3 semanas

10 dias

Preço (U$)

189,00

379,00


2) Portabilidade

As informações técnicas dizem tudo, o Kindle DX é um gigante na frente de um de 6" (1,3 vezes maior e o dobro do peso).

O tamanho maior traz vantagens ao DX (como veremos a seguir), mas o condena em diversos aspectos em relação à ergonomia e portabilidade.

Encabeçando essa lista de desvantagens o tamanho agigantado dificulta o transporte do aparelho por locais públicos nos quais se poderia ter um bom momento de leitura, tais como, cafeterias, padarias, em bibliotecas, em salas de espera (consultórios, salão de beleza, aeroporto,etc).

Eu sei que quase todo mundo tem uma mochila ou uma bolsa a tira colo a qual se prestaria ao transporte do DX, mas convenhamos, são meio quilo a mais que você vai carregar nos ombros. Sem falar na atenção que vai se voltar a você quando tirá-lo de dentro da bagagem, experiência própria, atrai atenção!

Além disso, as proporções do nosso amigo DX dificultam a leitura deitado na cama, na rede (sou do Nordeste!) ou sentado em cadeiras com pouco apoio para os braços, em razão do seu peso, que cansa os braços durante uma leitura mais prolongada.

DICA: Para os leitores de cama, como eu, ajustar a tela do DX para o formato horizontal reduzirá o desconforto com o peso e com possível sombreamento, em compensação, promoverá mais virada de páginas.

No tocante a ergonomia, o Kindle 6" sai-se muito melhor que o DX, pois seu design permite pegadas mais agradáveis e naturais: com uma mão segurando por uma das bordas (laterais, superior ou inferior), ou pelo meio envolvendo todo o aparelho, ou com as duas mãos. Em qualquer dessas posições, a passagem de páginas pode ser feita de forma intuitiva e sem esforço, possibilitando uma leitura mais prazerosa.

Já com o DX, quando precisamos mudar de página, as duas mãos sempre estão envolvidas, uma segura o aparelho, e a outra pressiona o botão. E em quase toda experiência com esse modelo vamos precisar sempre de apoio das mãos ou de um anteparo para operá-lo.

Essa necessidade torna-se gritante quando precisamos utilizar o teclado para digitar uma nota ou fazer uma pesquisa no texto. É impossível digitar no DX sem apoiá-lo numa superfície plana, pois a disposição das teclas na região mais inferior do aparelho cria uma espécie de alavanca com o centro de massa do aparelho, o que impede qualquer digitação agradável usando apenas as duas mãos para apoio e os polegares para pressionar as teclas.

A digitação no teclado do Kindle 6", por outro lado, é rápida e natural, como em qualquer bom teclado Qwerty, e as teclas redondas são mais aprazíveis ao toque que as retangulares do DX.

NOTA: Nessa avaliação o teclado do Kindle 3G de 2ª Geração com teclas numéricas independentes saiu-se muito melhor que o teclado do DX, pois não há necessidade de pressionar ALT antes de cada número.


3) Versatilidade

Chegamos na parte mais importante da nossa análise, a comparação prática entre os dois modelos. Então, apertem os cintos:

Na Leitura de Livros

Há pouca diferença prática na leitura de e-books propriamente dita, pois ambos os modelos têm as mesmas funcionalidades quanto a modificação do tamanho da fonte (infelizmente, ainda não na tipografia), ou seja, no configurando os dois aparelhos para o mesmo tamanho de fonte, não há vantagens na tela de 9,7" do DX no tocante a melhoria da acuidade visual.

Porém, ao mesmo tamanho da fonte, o Kindle DX consegue apresentar o dobro de localizações (quantidade de texto por tela) que o 6", o que pode ser traduzido como menos viradas de página.

Confesso que não me decidi se isso é uma vantagem ou se é um ponto neutro. Em alguns livros não senti diferença na qualidade da leitura por ter que virar mais ou menos páginas, ou pelo texto se encontrar inteiro em uma única tela, já em outros, como livro de poemas e de receitas, o DX mostrou-se muito mais eficiente.


Na Leitura de Jornais e Notícias (Blogs)

O DX nesse quesito supera de longe nosso amiguinho 6", pois consegue aliar texto e imagem na mesma tela, o que gera uma fluidez de leitura maior.

Simplesmente, apóie seu DX sobre a mesa e leia seu jornal enquanto saboreia seu desjejum.

Ou relaxe o DX sobre o braço do sofá, enquanto você se atualiza com os feeds dos seus blogs favoritos (Nota:conversão dos blogs obtida via Calibre).

O Kindle 6" pode ser também utilizado com esse propósito, mas a praticidade de ter texto e imagem deixa a desejar.

DICA: Existem capas protetoras para Kindle DX que os permite ficar na vertical com um porta-retrato, para leitura de jornal durante o café-da-manhã, não há nada melhor.


Na Leitura de HQ´s (Quadrinhos)

Para os aficionados por essa arte, recomendo o Kindle DX, pois sua tela de 9,7" faz a diferença quando da leitura dos gibis no formato digital.

A tela maior além de proporcionar a visualização geral de uma cena completa, permite o vislumbre de uma maior riqueza de detalhes dos desenhos e dos balões de diálogos se haver necessidade de zoom.

Vale ressaltar que a vira de página no DX é mais demorada que num 6", talvez pela quantidade de microcápsulas a ser redistribuídas ser maior.


Na Leitura de PDF´s Científicos e Manuais

Analisei apenas os PDF´s de artigos técnicos/científicos, pois, tratam-se de textos diagramados normalmente com letras pequenas e em colunas duplas ou triplas, além disso, os demais textos em PDF podem se convertidos facilmente no formato aceito pelo Kindle.

Neste quesito o Kindle DX destacou-se com louvor do irmão menor.

Mesmo sem fazer uso de zoom, alguns artigos científicos testados eram facilmente legíveis na tela do DX disposta verticalmente. E diante de um gráfico ou tabela que precisássemos de uma visualização mais detalhada, bastava rotacionar o DX horizontalmente para promover o ajuste automático da tela (essa opção tem que estar ativa no menu Text, Aa) destacando com isso a figura e a sua legenda.

Em outros artigos, o zoom (150, 200 e 300%) fez-se necessário para melhorar o conforto da leitura (nota: os próprios artigos impressos eram diagramados com uma fonte muito pequena).

Mesmo sob a mesma magnitude de aumento, a leitura com o 6" foi insatisfatória: tamanho da letra foi inferior ao DX, irritante mudança de posição com o controle 5-Way para leitura das colunas, e a não facilidade de visualização das figuras em destaque.

Além disso, o DX destaca-se na leitura de manuais técnicos (da TV LED, da cafeteira, do Ministério da Saúde, etc) além de livros com fórmulas matemáticas e desenhos geométricos.

Com tudo isso, para mim, o Kindle DX pode ser considerado como o melhor leitor para PDF portátil do mercado.

DICA: Para movimentar uma página com zoom de forma mais precisa, basta manter pressionado a tecla Shift (↑) enquanto desliza-se pelo texto com o controle 5- Way.


Para Leitura de Revistas

Para revistas, recomendo um Ipad.


4) Resumo

A experiência com os dois modelos de e-readers da Amazon foram distintos. Acredito que não há um modelo melhor que o outro, mas sim necessidades distintas de uso.

Para quem quer apenas saborear um bom livro com portabilidade, conforto e discrição, o Kindle 3G 6" é o mais indicado.

Já aqueles que necessitam de um dispositivo para ler uma coleção de artigos científicos em PDF, jornais e alguns blogs, e revistinhas em quadrinho, e que sempre lêem sobre uma mesa ou num sofá confortável e com almofadas ao alcance da mão, o Kindle DX é seu e-reader.

Eu já escolhi o meu, e você?


Informação adicional:

Vídeos comparativos

Kindle 2ª Geração

http://www.youtube.com/watch?v=VeLNwNV_iig&feature=related

Kindle DX 3ª Geração

http://www.youtube.com/watch?v=qvpKHYx87Uk&feature=fvw

2 comentários:

  1. A minha escolha e o DX porque sou enfermeiro e existem muitos manuais técnicos e artigos científicos em PDF. O DX seria ótimo mas ainda o preco ta salgado, bem salgado.

    ResponderExcluir
  2. Depois de ter minhas perguntas (prontamente)respondidas pelo Edson, optei pelo Kindle 6". Não poderia ter feito compra melhor. Sendo um devorador de livros (...e somente livros), estou super satisfeito com meu Kindle 3. O levo para todo lugar onde sei que poderei desfrutar de uma boa leitura. Em resumo: excelente leitura + portabilidade = Kindle 6".
    Abraços.

    ResponderExcluir