quinta-feira, 7 de outubro de 2010

KindleBookBr -Primeira Editora Digital Brasileira

Aumentar Letra Diminuir Letra


Em 2009, o I google presenteou-me com o excelente blog VerdesTrigos especialista em comentar sobre literatura brasileira.

Em uma das publicações li sobre Nolga Sklar, na postagem intitulada "Na Cama com o Kindle" onde ela relata sua primeira experiência com um Kindle presenteado de surpresa. Nolga é uma escritora e cronista que vive em Petrópolis (RJ), e escreve em seu blog Noga Blog.

Bem, após sua primeira experiência com o e-reader da Amazon, Nolga decidiu investir no formato e abriu, com o marido Alan Sklar, a KindleBookBr (KBR) cuja missão é compartilhar com o mundo a literatura brasileira.

A KBR edita, publica e distribui livros digitais, bem como, converte os livros físicos já publicados nos formatos digitais do mercado.

O catálogo atual conta com 23 ebooks que são distribuídos na Kindle Store (apartir de U$1,99) e em todas as livrarias virtuais do Brasil, como Cultura, Saraiva e Gato Sabido/ Submarino.

Bem como há uma lojinha no Facebook com o clube de livros digitais K-Book o qual possibilita o acesso a amostra dos livros em ePub, dá dicas, informa sobre lançamento.

Boa iniciativa.

A medida que for lendo, irei fazendo resenha dos livros.

4 comentários:

  1. Pessoal, o comentário não tem mto a ver com o conteudo desse post... mas.. reclamei com a Folha a não disponibilidade do Jornal via Kindle e tive uma reposta e gostaria de compartilhar com voces. Poderiam me passar um email pra contato?

    Att,

    Sergio

    ResponderExcluir
  2. edson@tandello.com.br

    Mas a Folha tem se mostrado uma jornal muito parcial!

    ResponderExcluir
  3. Legal a iniciativa pioneira deles. Os livros do meu amigo E.Al. Roper foram editados pela Nolga. Eu inclusive a convidei para participar na entrevista para a TV Brasil, mas como era em SP ela não pode se deslocar.
    Tenho a pretensão de (em breve) expandir a atuação aqui do Kindle Blog Brasil também para editoria, publicação e representação junto a Amazon e AppleBookStore. Está faltando aprofundar em algumas ferramentas de conversão e um pouco mais de domínio dos HTML. Mas já tenho uns autores amigos que fazem sucesso no mundo impresso alinhavados para quando a idéia se tornar realidade. Se mais alguém tiver uns manuscritos (hoje eu chamaria de wordscritos...) me manda um e-mail que podemos já pensar nas possibilidades. Abç.

    ResponderExcluir
  4. Fiquei extremamente curioso com o e-mail do Sergio com a Folha. Curiosidade de saber a justificativa deles, se bem que eu teria mais interesse no Jornal Estadão. Mas ainda assim tenho curiosidade.
    Se possível compartilhe conosco.
    Enquanto não surge algo do tipo aqui para São Paulo devemos nos contentar com o já suficiente e muito bom Calibre.

    []'s

    ResponderExcluir