sábado, 18 de setembro de 2010

O futuro dos e-readers

Aumentar Letra Diminuir Letra

A Amazon iniciou a primeira onda dos e-reader em 2007 com o lançamento do Kindle. Logo depois, vieram outros concorrentes como Sony, Nook e mais recentemente os modelos nacionalizados (Cool-ER e Positivo Alfa). Com esta concorrência sadia, as telas melhoraram, passaram a ter mais definição e gráficos e fotos de melhor qualidade, acesso por 3G, Wi-Fi e até bluetooth; modelos com telas coloridas e outros que não são bem um e-reader, mas que trazem também esta possibilidade (iPad....). 
Agora, durante a CES-2010 - Consumer Electronic Show - a maior feira de equipamentos eletrônicos do mundo, apareceram as novas tendências para estes equipamentos. 
Como a feira foi em Janeiro, até agora os protótipos estavam amadurecendo, mas acreditamos que até o final do ano (para pegar o grande boom que é o Natal), muitos estarão disponíveis no mercado (pelo menos no mercado dos EUA - buáááá ).
A seguir algumas destas novidades :

Plastic Logic Que



O elegante em material plástico. Vem com a proposta de ser lider em design (traseira em Black Piano, extremamente fino) e voltado para o público executivo, permitindo enviar e-mails com anexos facilmente.  Além disso, a grande diferença é utilizarem o material plástico ao invés das tradicionais telas de vidro. Isso permite que em pouco tempo lancem o modelo flexível. Veja a proposta técnica abaixo : 


Skiff Reader




O maior de todos, como 11,5" de tela totalmente touch. Interessante por ser flexível e terem uma proposta de um modelo colorido. O problema maior é que a empresa foi vendida em Abril para um grupo de comunicação e até agora parece que tudo está parado. 
Vejam que legal a proposta de flexibiliade : 



Dual Screen e-reader


Uma tendência que promete cativar vários aficcionados são os e-readers com duas telas, como este modelo da Alex. Em uma das telas o e-ink para leitura de livros, sem problemas de brilho sob a luz do sol, e sem cansar a vista ou gastar muita bateria. Na outra tela um navegador de internet (ou até mesmo um tablet) colorido e touch screen. Este modelo da Alex usa o Android como sistema operacional na parte "micro" do e-reader. 
A Toshiba já está adotando isso no seu tablet - duas telas; mas com a pretensão de ser um computador de mão concorrente com o iPad e não um e-reader. 

Bom. Viram que tendências tem várias.... Agora até isso virar realidade no Brasil, melhor comprar um Kindle, Alfa Positivo, Cool-Er, etc...



Nenhum comentário:

Postar um comentário