segunda-feira, 19 de julho de 2010

Noticia no IG - "Vendas de e-book para Kindle superam as de livros capa dura"

Aumentar Letra Diminuir Letra

Saiu no site do IG - sessão de economia  :

 "Vendas de e-book para Kindle superam as de livros capa dura"


"As vendas do leitor digital de livros Kindle, fabricado pela Amazon, triplicou desde que a empresa cortou o preço do produto no final do mês passado. De US$ 259, o e-reader passou a custar US$ 189. O corte de preço foi suficiente para fazer as vendas subirem não somente no aparelho como na quantidade de livros para o formato Kindle.
Segundo Jeff Bezos, CEO da empresa, a comercialização de livros para o formato Kindle ultrapassou a de livros de capa dura. Nos últimos três meses, 143 livros Kindle foram vendidos para cada 100 capa dura, mas quando esse tempo é reduzido para um mês, é de 180 livros Kindle para cada 100 capa dura.
As vendas totais e-books triplicaram desde o primeiro semestre de 2009 ao primeiro semestre de 2010. "Os clientes da Amazon compram atualmente mais livros para o Kindle do que os de capa dura. Se você considerar que vendemos livros há 15 anos e Kindle há 33 meses, isso é realmente impressionante", disse Bezos, em release à imprensa."


Só para esclarecer um ponto que o IG não se arriscou a fazer uma tradução livre e acabou ficando na "tradução ao pé da letra" mesmo,  Livro de capa dura são todos os livros impressos (não digitais), sejam eles de capa rígida, mole, papelão, plástico, etc... (sic)

Nenhum comentário:

Postar um comentário