quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Kindle na CES 2010 (Consumer Eletronic Show)

Aumentar Letra Diminuir Letra

A CES (Consumer Eletronic Show) é a maior feira de tecnologia do mundo, onde as novidades são apresentadas ao público no início do ano.

Infelizmente a Amazon não fez nenhum lançamento bombástico de algum novo modelo de Kindle (colorido, touch screen ou alguma outra expectativa até agora não atendida) - somente a disponibilização do Kindle DX para todo o mundo saiu na mesma época da CES, mas sem nenhum vínculo com a feira.

Agora, por outro lado, as pessoas famosas  que foram vistas no evento, ajudaram a manter a fama (se não melhorá-la) do Kindle... Abaixo alguns exemplos :

Demi Moore



Ela declarou na sua página no Twitter que em duas semanas e meia com seu Kindle leu mais livros que nos últimos 3 anos....

Stephen King



Deu uma palestra segurando seu Kindle nas mãos. Já não é a primeira vez que ele ajuda a Amazon. No início do ano passado, lançou seu livro UR (em versão impressa) com um Kindle na capa. Só tinha um detalhe: o Kindle da capa era cor de Rosa, algo que nunca existiu....



Agora,  se a Amazon não lançou nada de novo na feira, o mesmo não se pode dizer do concorrentes....
A Entourage lançou um e-reader com duas telas (meio trambolhão diga-se de passagem). A da direita tem 9,7"  para leitura de livros e usando a tecnologia do Kindle (e-ink) e a na esquerda uma tela de 10,1" de LCD para navegar na web :

 

A Platic Logic lançou o e-reader QUE de 11" com Touchscreen :


A Sony também mostrou seu e-reader :



Também surgiu o primeiro e-reader da Samsung - o E6 com tela de 6" e teclas escondidas :



A Spring Design lançou o e-reader Alex que roda o sistema operacional Android da Google. Tem duas telas : uma para leitura de livros e outra para navegação na internet. Este não é apenas um protótipo como vários outros, e já tem data de lançamento (no mercado dos Estados Unidos) e preço : vai custar USD 399 à partir de Fevereiro:


Outro com vários recursos além dos que estão presentes no Kindle é o E-book da Onyx, com opções de telas de 6, 8  e 9,7", tela touchscreen, Wi-Fi, 3G e memória interna pequenina (128Mb) - este botão ai no meio não lembra muito os primeiros iPods ??? dá até para a Apple abrir um processo por plágio... :

 

Outro bastante simples, mas com conexão sem fio é o da Booken :




O A9 da Hanlin (tela 9", 3G, e touchscreen) :




O Jetbook, apesar de baratinho (USD 149) não tem touchscreen (e tem botões demais para minha opinião). Funciona com USB ou Wi-Fi :




Não cansem... está acabando....

O iRex tem botões para separar Livros, Noticias, Documentos e notas :




Já viram que opções não faltam e isso, se seguido o lema de que a concorrência é que faz a evolução do mercado só vai ajudar a nós usuários do Kindle. Agora um feeling pessoal... se o Kindle demorou tanto para chegar ao Brasil, até termos alguns destes aqui em solo tupiniquim vai demorar bastante (ainda estou aguardando o Coll-ER...).
Enquanto eles não chegam e já temos nossos Kindles, a CES trouxe alguns acessórios interessantes para nós. Abaixo, dois deles :

O primeiro é uma proteção que permite ler o Kindle na beirada da piscina (ou mesmo dentro dela) ou na praia, sem se preocupar com a água. É uma capa vedada a prova d'água - uma boa idéia :



O segundo acessório é uma capa com luz para leitura na cama ou outros ambientes escuros. Minha opinião (vendo pela foto) é que é feio, principalmente quando comparamos com as luzinhas disponíveis no site da Amazom.... :




Foi um post longo mas acredito que bastante interessante para os aficcionados do Kindle. Aguardo comentários.
Abraço.

2 comentários:

  1. Olá Edson, meu nome é Debora e eu estou muito interessada em comprar um Kindle 2. Eu gostaria de saber é se uma pessoa comprar para mim nos EUA e trouxer ele vai funcionar normalmente. E como funciona, ele vai ficar no nome dela? Você acha que vale a pena encomendar direto do site, com as taxas e tudo mais? Parece-me extorsão a quantidade de taxas...
    Estou em busca de informaçoes, se vc puder me ajudar!
    Meu email de contato é debora_hernandes@hotmail.com

    Muito obrigada!

    ResponderExcluir
  2. Olá Debora. Fico feliz em saber que você se juntará a nossa comunidade de usuários do Kindle no Brasil.
    Hoje, tanto o Kindle 2 de 6” como o Kindle DX de 9,7” são o mesmo aparelho para o mundo todo.
    Você tem quatro opções para adquirir o aparelho e com certeza, seguindo qualquer uma delas, vai funcionar no Brasil sem problemas :

    - Pedir para uma pessoa nos EUA te comprar e trazer para você. Neste caso o aparelho sai da Amazon no nome da pessoa, mas logo que você recebê-lo aqui, tem uma opção de trocar o usuário (você faz um “deregister” da pessoa que comprou e um “register” em seu nome com seus dados).
    - Comprar pela Amazon pagando com um cartão de crédito internacional (a Amazon aceita cartões internacionais emitidos no Brasil sem qualquer restrição) e com enderço de entrega nos EUA para a pessoa que vai trazer para você. Ai ele já vem no seu nome e com os dados que você efetuou o pedido e não precisa trocar nada quando chegar aqui (foi assim inclusive que comprei o meu).
    - Comprar pela Amazon quando você for viajar para os EUA e pedir para entregar no hotel onde você ficará hospedada e depois trazer contigo. Este só tem o inconveniente de depender de você viajar para os EUA.
    - Por último, a opção de comprar pela Amazon com o endereço de entrega aqui no Brasil. Os inconvenientes ? A demora na liberação na aduana, o frete e, principalmente os impostos que fazem o preço do aparelho praticamente dobrar..... Tem aquela opção de aproveitar de uma liminar que houve há um tempo atrás (está aqui no meu Blog), para não pagar os impostos, mas eu não tenho ainda informações de que tem funcionado para outras pessoas além de quem entrou com a ação.

    Bem, é isso. Comprar é o mais complicado; funcionar aqui funciona sim... Só que, diferente dos americanos, nós não podemos navegar na internet com o Kindle aqui, não temos imagens e fotos nas revistas e jornais que assinamos e vários livros disponíveis nos EUA acabam vetados para comercialização na América Latina e Caribe por problemas de direito autoral.

    Aguardo sua assinatura no Blog, se somando a nós desbravadores do mundo Kindle no Brasil.

    ResponderExcluir